domingo, 10 de janeiro de 2016

UMA LEMBRANÇA


Serena, como o vento que bate em meu rosto

Viajei por longas estradas sem fim.

Vi a lua a brilhar



Fechei os olhos

E ainda assim sentir um toque ameno

Que guardo aqui em meu coração.

Sonhar acordado

Um beijo sem fim

Chego a sorrir

Uma bela mulher ao meu lado

Dias de encanto sem fim,

Estou feliz em tem conhecido

E por um segundo apenas

Vejo sua imagem aqui.

Guardo seu encanto

Confortante, tão calmo

Beleza e um sorriso ameno

Que agora só me faz desejar

Ter seu carinho aqui comigo.
 

SARAU © 2015 - 2016